dodô

dodô

21 novembro 2010

Michael Pollan: Regras da Comida

31. Coma alimentos silvestres quando puder.

"Dois dos vegetais mais nutritivos do mundo - a anserina-branca ou ançarina-branca e a beldroega - sã ervas daninhas, e algumas das dietas tradicionais mais saudáveis, como a mediterrânea, fazem uso frequente de verduras silvestres. Os campos e as florestas são abarrotados de plantas mais ricas em vários fitoquímicos que suas primas domesticadas. Por quê? Porque essas plantas têm de se defender de pragas e doenças sem nenhuma ajuda nossa, e porque, historicamente, tendemos a selecionar e a cultivar plantas visando à doçura? muitos dos componentes defensivos que as plantas produzem são amargos. Também cultivamos visando à vida útil de prateleira; por isso, sem querer, selecionamos no intuito de obter plantas com baixos níveis de ácidos graxos ômega-3, uma vez qye essas gorduras oxidam rapidamente - tornam-se rançosas. Vale a pena também acrescentar à sua dieta animais e peixes silvestres, quando tiver oportunidade. A caça em geral tem menos gorduras saturadas e mais gorduras saudáveis que o animal doméstico, porque quase todos os animais silvestres alimentam-se de várias plantas, em vez de exclusivamente de grãos."


58. Só coma à mesa.

"Não, escrivaninha não é mesa. Se comemos enquanto trabalhamos, vemos televisão ou dirigimos, comemos distraidamente - e, por conseguinte, comemos muito mais do que comeríamos se estivéssemos à mesa, prestando atenção ao que fazemos. Esse fenômeno pode ser testado (e posto em prática com bom resultado): ponha uma criança em frente a um televisor euma tigela de vegetais frescos diante dela. A criança comerá tudo que houver na tigela, muitas vezes até vegetais em que ela normalmente não toca, sem reparar no que está acontecendo. O que sugere uma exceção à regra: quando estiver comendo em algum lugar que não à mesa, atenha-se a frutas e vegetais."


In: POLLAN, Michael. Regras da Comida: Um manual da sabedoria alimentar. Rio de Janeiro: Intrínseca, 2010

Nenhum comentário: