dodô

dodô

03 janeiro 2011

amanhã no Tutti: Fainá para o Vento

Oi, pessoal!

Feliz año!!

Pois, eu tive a felicidade de fazer um super tratamento à base de vento nesses dias da virada. Como foi bom! O vento deixa muito clara a ideia de movimento, de não estagnação, limpeza, leveza e vida!
Com isso tudo que eu ganhei de presente, mais uma vez farei do nosso jantar uma oferenda e agradecimento.
Vamos puxar pela referência geográfica e, com água na boca, tenho o prazer de lhes oferecer fainá.
Arrisco-me a descrever pra quem não conhece: é um disco de uma massa que seria uma 'polenta de grão de bico', assada e tostada. Deliciosa, macia. Bom, vamos ver se eu acerto com as instruções da harina que trouxe na mala.
Ela, com pimenta branca, recheada de queijo.
Foi bem difícil escolher um acompanhamento, mas me lembrei do dia 31, passeando rumo ao por do sol no mar, maravilhada com as grelhas caseiras pelas ruas (bom demais ver as ruas como espaço seguro de convivência), e lindas carnes para parillas do ano novo; mas em um momento meu amigo me chamou a atenção: em uma das casas, junto com as carnes que esperavam a hora de irem pro fogo, havia uma bandeja com pimentões recheados tão lindos, tão lindos!! Enormes, de cores contrastantes! Davam um toque colorido naquela mesa! E, bom, fácil imaginar toda a queijarada do recheio derreteeeendo, esticando, e compondo um contraste de cor com o pimentão tostadinho na grelha. Puxa, confesso que cobiçamos por horas um pimentão daqueles...
Pra variar, o Tutti me dá de novo uma ótima oportunidade pra satisfazer esses desejos. Mas o nosso pimentão vai ser frio. Queijo em cubinhos, com cebola assada, com pepino, tomate (claro, vejamos como anda a feira) e um ensaio de chimichurry básico, que será bastante discreto, pra não tirar a atenção da fainá com pimenta branca, oferenda ao vento, que faz reviver!

amanhã no Tutti

besos

Nenhum comentário: